Operações Cooperativas

Como criar ou alterar os estados das entidades?

296 views 28 Junho, 2018 29 Junho, 2018 Valuekeep 0

Para as ordens de trabalho e ocorrências é possível alterar o fluxo de estados para que esteja de acordo com o modo de trabalho da organização.

Criar Estados

Para criar estados siga estes passos:

  1. Selecione a opção Operações de Cooperação | Administração | Estados de Entidade;
  2. Clique no botão “Criar novo registo” da lista;
  3. Preencha a chave do estado e a entidade;
    1. A secção “Tabela de Entidades” neste artigo descreve a correspondência entre o nome da entidade e a funcionalidade.
  4. Preencha a descrição em todos os idiomas disponíveis;
  5. Defina se o estado é o inicial ou final;
  6. Defina se o estado bloqueia alterações na entidade;
  7. Adicione transições a partir deste estado;
  8. Prima o botão Criar.
Só é possível criar estados para as OTs e ocorrências. Deve existir um estado inicial para cada entidade. O estado final não é obrigatório mas se estiver definido só pode existir um. Um estado não pode ser simultaneamente inicial e final.

Por omissão as entidades são criadas no estado definido como inicial. Quando um estado é definido como bloqueado para alterações, não é possível alterar qualquer campo de uma entidade nesse estado. O estado final define o fim do fluxo de estados da entidade, pois não pode ter transições para outros estados.

Para preencher os restantes idiomas da descrição clique no botão com o código do idioma (por exemplo, “PT”) à direita do campo.

Editar Estados

Para editar estados siga estes passos:

  1. Selecione a opção Operações de Cooperação | Administração | Estados de Entidade;
  2. Edite um registo da lista;
  3. Altere as configurações do estado;
  4. Prima o botão Atualizar.
Todos os estados permitem definir a notificação e se a transição exige motivo. Apenas os estados das OTs e ocorrências (exceto o estado “Pendente”) permitem alterar todos os campos.

Remover Estados

Para remover estados siga estes passos:

  1. Selecione a opção Operações de Cooperação | Administração | Estados de Entidade;
  2. Selecione o registo da lista e clique no botão “Eliminar registo atual” da lista;
  3. Prima o botão “Eliminar”.
Só é possível remover estados para as OTs e ocorrências, com exceção do estado “Pendente”. Os estados que já foram usados em entidades não podem ser removidos.

Configuração da Manutenção

Para os estados de Ocorrências e Ordens de trabalho é possível definir configurações adicionais da manutenção.

Ocorrências

  • Iniciar Tempo de Indisponibilidade – quando ativa, ao transitar para este estado é iniciada a indisponibilidade do ativo/localização;
  • Terminar Tempo de Indisponibilidade – quando ativa, ao transitar para este estado é terminada a indisponibilidade do ativo/localização;
  • Alterar Estado para (OT) – quando ativa, ao transitar para este estado a OT associada é alterada para o estado selecionado;
  • Criar OT – lista de estados para os quais é possível criar uma OT a partir de uma ocorrência neste estado;
  • Permitir Apenas Responsável do CT – quando ativa, apenas permite transitar para este estado se o utilizador for responsável do Centro de Trabalho;
  • Definir data de fim do SLA – quando ativa, ao transitar para este estado coloca a data de fim na ocorrência;
  • Estado cancelado – quando ativa, define este estado como ocorrência cancelada. Por exemplo, termina os períodos de indisponibilidade automaticamente;
  • Permitir Mudar Observações – quando ativa, permite alterar as notas da ocorrência mesmo quando o estado estiver bloqueado para alterações.

Ordens de Trabalho

  • Iniciar Tempo de Indisponibilidade – ao transitar para este estado é iniciada a indisponibilidade do ativo/localização;
  • Terminar Tempo de Indisponibilidade – ao transitar para este estado é terminada a indisponibilidade do ativo/localização;
  • Permitir atribuições – se estiver ativo, as OTs neste estado permitem fazer atribuições de tarefas;
  • Permitir registar custos – se estiver ativo, as OTs neste estado permitem fazer registo de custos;
  • Obrigatório validar tarefas – se estiver ativo, não é possível transitar para o próximo estado sem validar todas as tarefas da OT;
  • Alterar Estado para (Ocorrência) – ao transitar para este estado a ocorrência associada é alterada para o estado selecionado;
  • Estado cancelado – quando ativa, define este estado como OT cancelada. Por exemplo, termina os períodos de indisponibilidade automaticamente;
  • Permitir Mudar Observações – quando ativa, permite alterar as notas da OT mesmo quando o estado estiver bloqueado para alterações;
  • Permitir criar do evento – quando ativa, permite criar OTs neste estado a partir de um evento da manutenção preventiva;
  • Fechar pedidos internos – quando ativa, ao transitar para este estado fecha os pedidos internos e efetua as devoluções de material;
  • Definir data de fim do SLA – quando ativa, ao transitar para este estado coloca a data de fim na OT;
  • Permitir Apenas Responsável do CT – quando ativa, apenas permite transitar para este estado se o utilizador for responsável do Centro de Trabalho.

Tabela de Entidades

Na tabela seguinte consulte a correspondência entre os nomes das entidades e a funcionalidade na solução:

Entidade Funcionalidade
CustomerContracts Contratos de Cliente
SupplierContracts Contratos de Fornecedor
WarrantyContracts Contratos de Garantia
InternalRequests Pedidos Internos
AssetShutdowns Paragens Programadas do Ativo
Issues Ocorrências
LocationShutdowns Paragens Programadas da Localização
MaintenancePlans Planos de Manutenção
PreventiveMaintenances Manutenção Preventiva
WorkOrders Ordens de Trabalho

Foi útil?